segunda-feira, 2 de fevereiro de 2009

A cada momento...


A cada instante do dia,
Te toco e acaricio,
Te abraço e aperto,
Te beijo.
Possuo-te
E tu possuis-me
Nm momento mágico e infinito
Desfalecemos os dois.
A terra toda estremece
Enquanto o mar de mansinho
A vem beijar…

João Fernando

2 de Fevereiro 2009

4 comentários:

Susana Ferreira disse...

gosto desse poema amigo João,esse sim não é triste e está cheio de paixão,amor,sentimentos fortes.É um poema cheio de magia.

Margarida Piloto Garcia disse...

É a paixão a embalar-nos.
Um beijo amigo João.

Maria Mourão disse...

Lindo poema,cheio de amor e emoção
Fatinha

Maria Madalena disse...

Love hurts...