quinta-feira, 18 de setembro de 2008

Contigo

Contigo

Se eu pudesse aninhar-me nos teus braços
Perder-me no teu corpo
Percorrer com as minhas, as tuas mãos
Colar o meu rosto ao teu
E ficar assim até ao final dos tempos
Para morrer em seguida com os meus lábios presos aos teus.


Nada mais queria da vida, nem do mundo.
Só ficar eternamente a teu lado.
Respirar o ar que respiras,
Sentir a dor que sentes
Vibrar com a tua felicidade.
Se eu soubesse que arrancando um pedaço de mim
Ganharia a eternidade a teu lado
De boa vontade o faria
Porque o pedaço de mim que falta,
Faz doer mais
Que qualquer outro que eu arrancasse.

Queria perder-me no teu mundo
E que tu te perdesses no meu
Para depois nos encontrarmos,
Os dois,
Num só mundo, o meu e teu.

(Escrito por Isis, este foi o primeiro de muitos dedicados ao seu Osiris.)
13-1-2003
video

1 comentário:

Anónimo disse...

É dos poemas mais lindos que estão aqui
Fatinha