sexta-feira, 23 de janeiro de 2009

Descobri esta relíquia de Fausto, nem parece o estilo dele, mas "por esse rio acima" ,também escreveu poemas de amor.

E depois do teu adeus,
do teu último beijo,
leva contigo a lembrança,
a paixão, o desejo,
ai, de mim o rancor
que ainda guardo e não quero.
Se um dia voltares,
francamente, eu sei,
eu já não te espero.
Será que ando forte
e que te esqueci?
Será que ando fraco
e que me perdi?
Mas em poucas palavras,
ficam belas e doces,
saudades de ti...

Fausto

1 comentário:

FUMADOR disse...

Palavras de quem perdeu um grande amor