segunda-feira, 19 de janeiro de 2009

O que eu escrevo


Se eu escrevo de forma simples
Não é para que os outros
Possam entender
O que digo,
É para que eu
Possa entender
O que EU quero dizer.

Quando escrevo
Não o faço para os outros,
Faço-o para mim,
Eu escrevo os meus poemas
E os meus poemas são meus,

Quando os meus poemas
Forem lidos pelos outros,
Não são os meus poemas
Que lêem
São os poemas que
Eles próprios escrevem
No exacto momento
Em que lêem os meus.

Maria Madalena, 19 de Janeiro de 2009

1 comentário:

Maria Mourão disse...

o que tu escreves é para que toda as pessoas, entendem simples mas bonito e com qualidade.
Fatinha